Crítica: Paramore defende seus hits com qualidade no Rio

Por Globo.com

O repertório da banda americana Paramore, que se apresentou no Citibank Hall neste sábado, foi pouco variado. Afinal de contas, na bagagem há apenas três CDs (com músicas, em sua maioria, muito parecidas). Mas o som foi grandioso. O show foi comandado com maestria (e muito carisma) pela vocalista Hayley Williams, que levantou a plateia com hits como “Decode” (da trilha sonora do filme “Crepúsculo”), “Only exception” e “That’s what you get”.

Verdade: o uso excessivo de corações feitos com as mãos comprometeu o tom rock’n’roll proposto pelos chifrinhos, também feitos com gestos manuais. E o uso excessivo da expressão “família Paramore” lembrou o tão criticado “família Restart”. Mas o Paramore subiu ao palco sem pretensão alguma, e surpreendeu com uma base instrumental bastante firme. E para se aproximar ainda mais da garotada, Hayley chamou duas meninas, uma para cantar e outra para tocar guitarra, na música “Misery business”, que fechou a apresentação bastante para cima.

Fonte original.
Postado por: Thaís Caroline

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s